Minha lista inicial

Desde 1988, minha primeira vez na Mostra Internacional de Cinema, que sofro para fazer a lista de filmes. Meu desejo era tirar férias e assistir todos os filmes, mas nunca consigo. Adoro listas e daí fico alguns dias pensando se aposto num diretor (e vejo tudo), se vou por feeling, se sigo a agenda (a pior das escolhas, mas rolou em vários anos), o que acaba desiludindo, pois algumas sessões estão lotadas e outras não rolam como eu sonhava. O que já descarto são filmes que entrarão em cartaz, pois o legal da Mostra é ver o diferente. Este ano resolvi misturar diretores, apostas sentimentais (Paulo Miklos e CHE) e buracos na agenda. Compartilho minhas escolhas:

BELLEVILLE TÓQUIO, O DESAPARECIMENTO DO GATO, EM ALGUM LUGAR ESTA NOITE, A ALMA ROQUEIRA DE NOEL, O BRASIL DE PERO VAZ CAMINHA, A DOENÇA DO SONO, AS ONDAS, CAVERNA DOS SONHOS ESQUECIDOS, CHE, UM NOVO HOMEM, COMO COMEÇAR SEU PRÓPRIO PAÍS. CLAMOR DO SEXO, CINE CAMELÔ, CUBA LIBRE…

PS: Ainda não acabei a lista, tarefa difícil!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *